Afinal, a volatilidade de um ativo é algo bom ou ruim?

Para iniciar uma performance investidora é preciso compreender termos intrínsecos ao trade. Volatilidade com certeza é uma palavra presente no cotidiano de quem opera na bolsa de valores e opta pela negociação dos ativos. Continue a leitura para ter uma ampla compreensão do porquê existem tantas oscilações dos preços e a influência do mercado para quem opta pela renda variável em suas aplicações financeiras.

Antes de tudo, o que é volatilidade?

Ajudado por um ambiente propício no exterior para moedas emergentes, o dólar comercial operava em queda de 0,68%, aos R$ 5,8275, por volta das 9h54. O contrato de Depósito Interfinanceiro (DI) para janeiro de 2021 recuava a 2,56%, de 2,61% no ajuste anterior, e o DI janeiro/2025 cedia a 6,63%, de 6,69%”.

Este é um trecho da matéria “Dólar e juros futuros se ajustam em queda na abertura”, publicada no portal do jornal Valor Econômico, no dia 13 de maio de 2020, às 10h12. Este parágrafo ilustra à oscilação dos ativos financeiros tão impactados pelo atual cenário econômico e político do Brasil.

O significado de volatilidade remete-se a esta variação dos preços de um ativo, que hoje mais do que nunca – devido a pandemia do Covid 19 e a instabilidade da política no Brasil – estampa as chamadas dos jornais. Quem trabalha em mercados de capitais já espera esta oscilação, mas o momento atual é de um nível muito alto de volatilidade com intensidade destas variações.

Risco, volatilidade e desvio padrão

A volatilidade de um ativo traz consigo a incerteza sobre o retorno do investimento. Fatores externos como a economia, a divulgação do balanço de uma empresa, as políticas públicas e demais acontecimentos podem impactar o desempenho de sua aplicação em renda variável. Por isto, a volatilidade é diretamente proporcional ao risco.

Por sua vez, se o investimento em ativos voláteis significa operações mais arriscadas, é também nesta atuação que estão as maiores probabilidades de retorno. Quanto maior a volatilidade, maior também será a chance de lucro, principalmente àqueles traders que seguem a máxima “compre na baixa e venda na alta”.

Volatilidade aplicada ao trade

Operações em day trade, que são aquelas realizadas durante os intervalos de um dia, são as mais beneficiadas com a volatilidade. Com volume, é possível garantir o lucro diante das movimentações de preço de um ativo.

Os adeptos ao swing trade precisam ser cautelosos e segurar as emoções para que a negociação de seus ativos se dê em momentos oportunos. Para isto, é recomendável diversificar a carteira de investimento com renda fixa e aplicações com alta liquidez, além de um bom planejamento financeiro.

Desta forma, a incerteza que temos dos retornos de um ativo nem sempre é ruim. Muitos investidores obtêm seus melhores resultados diante das oscilações do mercado e da volatilidade dos ativos. O ideal é entender sua tolerância ao risco e investir de acordo com os seus objetivos e metas financeiras.

Syntax Finance Syntax Finance

Parceiro Guide

1ª Agência de comunicação 100% especializada em finanças, economia e mercado de capitais, a Syntax Finance impulsiona empresas que atuam nessas áreas no desenvolvimento de suas marcas.

198 visualizações

Utilizamos cookies para melhorar a sua navegação

Entendi
Bitnami