Introdução: As bolsas da Europa encerraram o dia em baixa, e os mercados de NY seguem este movimento. Investidores acompanham os impasses comerciais envolvendo os EUA. Quanto às commodities, em dia de dólar em alta, segue o viés mais negativo. Por aqui, o Ibovespa acompanha o exterior, e opera em queda. Dólar e DIs avançam, em dia de maior aversão ao risco.


CENÁRIO EXTERNO: MERCADOS EXTERNOS SOB PRESSÃO.

Mercados… As bolsas da Europa encerraram o dia com viés negativo. O índice Stoxx 600, por exemplo, recuou ao redor de 1,5%. Nos EUA, o dia também não é dos mais favoráveis. As bolsas de NY seguem no vermelho. O dólar se valoriza frente às moedas do G-10 e a maioria dos emergentes. Investidores buscam maior proteção, em meio às crescentes guerras comerciais envolvendo os EUA. É neste contexto que a maioria das commodities tem viés baixista.

Mais guerra… Nesta 4ª (15), a Turquia anunciou um decreto dobrando as tarifas sobre algumas importações norte-americanas (entre elas, álcool, carros e tabaco). O movimento é uma retaliação as recentes medidas dos EUA, que autorizou – na última semana – tarifas mais altas sobre as importações de alumínio e aço do país turco. Isto foi algo que reduziu o apetite dos investidores estrangeiros para ativos de riscos globais.

Na agenda… Nos EUA, destaque para os dados de vendas no varejo do mês de julho, que cresceram mais que o esperado. Houve um avanço de 05%, frente expectativa de 0,4%, reforçando a solidez da economia americana no início desse terceiro trimestre.

 


BRASIL: MERCADOS REAGEM AO EXTERIOR, E DÓLAR SEGUE EM ALTA.

Mercados… Em linha com o esperado, a bolsa recua, e pressões de alta são registradas nos mercados de câmbio e juros. O Ibovespa intensifica as perdas, e opera próximo dos 77 mil pontos. O dólar oscila próximo de R$ 3,88. O CDS de 5 anos, que mede a percepção de risco país, sobe mais de 2% (ao redor de 245 pontos base, por volta das 14h). Os movimentos são reflexos do quadro externo desfavorável para ativos de riscos, além do mau humor das commodities nesta sessão.

Sobre o Ibovespa… Petrobrás e Vale seguem como as principais baixas (em pontos) do Ibovespa. O movimento ocorre em linha com a desvalorização — de grande parte – das commodities. CCR também recua após reportar números do 2º tri (confira mais no Guide Empresas). Por outro lado, o setor de Papel & Celulose é destaque positivo. Afinal, é dia de dólar forte, que ajuda às exportadoras.

De olho no PT… O partido deve registrar a candidatura do ex presidente Lula próximo do encerramento do prazo (4ª feira, 15, às 19h, horário de Brasília). A estratégia do PT é evitar que outro partido apresente ação de impugnação ainda hoje. Lembrando: nos dias 17/18 será aberto o prazo de 5 dias para que o MP (ou algum outro partido) faça a impugnação da candidatura do Lula. O prazo deve terminar entre os dias 22 e 23. Depois disso, e barrada a candidatura de Lula, Haddad deve assumir a chapa para concorrer a presidência do Planalto.

Ainda sobre o PT… Gleisi Hoffmann, presidente do partido dos trabalhadores, é atualmente a principal adversária da candidatura de Fernando Haddad. Afinal, a senadora mantém suas esperanças em ser o “Plano B” de Lula.

Do lado Macro: IBR-Br… Influenciado pela greve dos caminhoneiros, o IBC-Br registrou resultado negativo no 2º tri deste ano. Em junho, o índice avançou 3,29% depois de recuar 3,28% no mês anterior. Em 12 meses, o IBC-Br alcançou 1,82%. Os números vieram próximo do esperado pelo consenso. Ou seja: não tivemos grandes surpresas com o índice.


    Sobre as oscilações do pregão:

    Ibovespa: : -1,38%, aos 76.971 pontos;
    Real/Dólar: +0,5%, cotado a R$3,917;
    Dólar Index: +0,01%, 96,893;
    DI Jan/21: -02 pontos base; 9,210%;
    S&P 500: -0,62%, aos 2.804 pontos.

    *Por volta das 14h13, horário de Brasília. Obs.: a taxa de câmbio utilizada é a referência da Bloomberg.

    Contatos

    Renda Variável*


    Luis Gustavo Pereira – CNPI
    [email protected]

    Equipe Econômica

    Lucas Stefanini
    [email protected]

    Rafael Gad
    [email protected]

    Julia Carrera Bludeni
    [email protected]

    *A área de Renda Variável é a responsável por todas as recomendações de valores mobiliários contidas neste relatório.
    “Este relatório foi elaborado pela Guide Investimentos S.A. Corretora de Valores, para uso exclusivo e intransferível de seu destinatário. Este relatório não pode ser reproduzido ou distribuído a qualquer pessoa sem a expressa autorização da Guide Investimentos S.A. Corretora de Valores. Este relatório é baseado em informações disponíveis ao público. As informações aqui contidas não representam garantia de veracidade das informações prestadas ou julgamento sobre a qualidade das mesmas e não devem ser consideradas como tal. Este relatório não representa uma oferta de compra ou venda ou solicitação de compra ou venda de qualquer ativo. Investir em ações envolve riscos. Este relatório não contêm todas as informações relevantes sobre a Companhias citadas. Sendo assim, o relatório não consiste e não deve ser visto como, uma representação ou garantia quanto à integridade, precisão e credibilidade da informação nele contida. Os destinatários devem, portanto, desenvolver suas próprias análises e estratégias de investimentos. Os investimentos em ações ou em estratégias de derivativos de ações guardam volatilidade intrinsecamente alta, podendo acarretar fortes prejuízos e devem ser utilizados apenas por investidores experientes e cientes de seus riscos. Os ativos e instrumentos financeiros referidos neste relatório podem não ser adequados a todos os investidores. Este relatório não leva em consideração os objetivos de investimento, a situação financeira ou as necessidades específicas de cada investidor. Investimentos em ações representam riscos elevados e sua rentabilidade passada não assegura rentabilidade futura. Informações sobre quaisquer sociedades, valores mobiliários ou outros instrumentos financeiros objeto desta análise podem ser obtidas mediante solicitações. A informação contida neste documento está sujeita a alterações sem aviso prévio, não havendo nenhuma garantia quanto à exatidão de tal informação. A Guide Investimentos S.A. Corretora de Valores ou seus analistas não aceitam qualquer responsabilidade por qualquer perda decorrente do uso deste documento ou de seu conteúdo. Ao aceitar este documento, concorda-se com as presentes limitações.Os analistas responsáveis pela elaboração deste relatório declaram, nos termos do artigo 21 da Instrução CVM nº.598/2018, que: (I) Quaisquer recomendações contidas neste relatório refletem única e exclusivamente as suas opiniões pessoais e foram elaboradas de forma independente, inclusive em relação à Guide Investimentos S.A. Corretora de Valores.“
    Rafael Gad Passos Rafael Gad Passos

    Equipe Econômica

    Graduado em Administração de Empresas na ESPM. Possui certificação de Mercado de Ações (BMF&Bovespa). Possui experiência na área de análise do Banco Bradesco Investimentos e atualmente faz parte da equipe de Research da Guide Investimentos, com foco nas empresas do Ibovespa.

    88 visualizações

    relacionados

    Bitnami