Fique por dentro do mundo da economia!


CADASTRE-SE AQUI

Mercados Hoje: Manhã de acomodação

Introdução:

Internacional
• Bolsas internacionais iniciam o dia em tom positivo;
• Uma pausa na alta dos preços do petróleo traz alívio para os mercados;
• O preço da commodity recua 0,7%, negociado próximo dos US$ 69,50/barril;
• ISM de serviços de dezembro traz novas pistas sobre saúde da economia americana após dados da indústria decepcionarem novamente;
• Vendas no varejo de novembro e CPI de dezembro são destaque na agenda de indicadores europeia.

Brasil

• A bolsa local deve seguir reagindo ao exterior na falta de mudanças relevantes do quadro local;
• Bolsonaro não prevê alta acentuada no preço de combustíveis como resultado da crise internacional;
• Apesar disso, o governo estuda medidas para estabilizar oscilações nos combustíveis sem tabelar preços;
• Governo pretende vender metade das refinarias da Petrobras até 2022;
• Juiz de garantias já tem apoio da maioria dos ministros no STF;
• Produção total de veículos e IPC-Fipe são destaques da agenda de indicadores doméstica.


CENÁRIO EXTERNO: MANHÃ DE ACOMODAÇÃO

Mercados… Bolsas asiáticas encerraram em alta, com bolsas de Tóquio, Hong Kong e Shanghai acumulando ganhos na ordem de 1,6%, 0,3% e 0,7%, respectivamente. Na zona do euro, mercados abriram com a mesma tendência positiva verificada durante os pregões asiáticos, e o índice pan-europeu, STOXX-600, avança 0,6% até o momento. Em NY, índices futuros operam estáveis, com leve viés de alta, e o dólar (DXY) tem manhã de recuperação contra seus principais pares. Na frente das commodities, ativos operam na contramão dos mercados. Como principal destaque, o preço do petróleo (Brent crude) recua 0,7% e se mantém negociado próximo dos US$ 69,50/barril.

Manhã de acomodação… Na falta de mudanças relevantes no cenário geopolítico, bolsas internacionais abrem com viés positivo e o preço do petróleo parece ter encerrado sua escalada aos US$ 69,50/barril (Brent crude). A notícia de que os EUA estarão enviando tropas adicionais e bombardeiros B-52 ao Oriente Médio seguindo a operação que levou à morte de Qasem Soleimani não parece ter surtido efeitos relevantes sobre os mercados, que demonstram sinais de alívio em função da pausa na alta do preço do petróleo. Na medida em que o nível de preço da commodity se acomoda, o risco do conflito vivido entre os EUA e o Irã passa a ser muito mais político do que econômico – fato ilustrado pelo movimento dos mercados acionários no início desta 3ªF. Vamos acompanhar…

Na agenda… Após uma queda relevante no ISM do setor de manufatura em dezembro, investidores avaliarão a divulgação do dado para o setor de serviços (12h) na busca de novas pistas sobre o estado atual da maior economia do mundo. Simultaneamente, saem as encomendas à indústria de novembro, também nos EUA. Do outro lado do Atlântico, os destaques da agenda econômica são as vendas no varejo de novembro e o índice de preços ao consumidor (CPI, na sigla em inglês) de dezembro na zona do euro, ambos divulgados às 7h.


BRASIL: GOVERNO BUSCA MECANISMOS PARA ESTABILIZAR PREÇO DE COMBUSTÍVEIS

Bolsonaro prevê pequena alta no preço da gasolina… O presidente da República não acredita que a morte do general iraniano, Qasem Soleimani, terá grande impacto sobre o preço dos combustíveis no Brasil, apesar de reconhecer que “o custo na bomba está alto”. Ontem à tarde, Bolsonaro demonstrou seu alivio em relação a tendência decrescente vista no aumento do preço do petróleo desde o ataque aéreo americano ao conversar com a mídia. O preço do barril registrou uma leve queda na segunda-feira. Bolsonaro fez questão de participar de uma reunião com o ministro Bento Albuquerque (Minas e Energia) e Roberto Castelo Branco, presidente da Petrobras, onde o preço dos combustíveis foi discutido.

Governo estuda mecanismos para estabilizar preço de combustíveis… Apesar da sua preocupação, o presidente da República ressaltou que não pretende tabelar os preços dos combustíveis. Mesmo assim, o governo estuda mecanismos para proteger o preço dos derivados de petróleo de efeitos causados por crises internacionais. A equipe do presidente não deu detalhes sobre as possíveis ações que poderiam estabilizar preços.

Atenção especial… O governo Bolsonaro tem dado atenção especial para as oscilações nos preços dos combustíveis. Além de ser um fator determinante na inflação, uma alta pode mudar o ânimo dos caminhoneiros, que no momento majoritariamente apoiam o governo, e dar vez a uma nova greve.

Venda de refinarias… Uma alteração no setor que foi compartilhada por Roberto Castello Branco é a intenção do governo de acabar com o monopólio da Petrobras sobre as refinarias. Segundo o presidente da estatal, algumas refinarias serão vendidas já em 2020. A intenção é vender metade das plantas que processam o petróleo até 2022.

Criação do juiz de garantias é apoiada pelo STF… Seis dos onze ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) já expressaram seu apoio à emenda feita ao pacote anticrime que introduz um novo juiz em alguns processos jurídicos. Entre os seis ministros que já demonstraram apoio à alteração está o presidente do tribunal, Dias Toffoli. Três ações distintas que contestam a criação do juiz que supervisiona o andamento de casos já foram apresentadas ao STF.

Na agenda… Em dia de agenda morna de indicadores, os principais indicadores domésticos a serem divulgados serão a produção total de veículos (Anfavea, sem hora definida) e o IPC-Fipe que acelerou de 0,68% em novembro para 0,94% – avanço liderado pela categoria de alimentos.

E os mercados hoje? Lá fora, a pausa na alta dos preços do petróleo trouxe certo alívio para os mercados, que iniciam o dia em tom mais positivo. Aqui, na falta de novos indicadores e de notícias relevantes no âmbito doméstico, a bolsa local deverá seguir acompanhando a dinâmica do exterior. Apesar de esperado, o fato de que o presidente garantiu não estar cogitando tabelar preços de combustíveis deve ser bem recebido pelo mercado, mas investidores ficarão atentos às medidas que estão sendo estudadas para conter a alta dos preços nas bombas. Em função disto, esperamos um dia de viés neutro/positivo para a bolsa local.

Sobre o fechamento do último pregão:

Ibovespa: -0,73%, aos 116.877 pontos;
Real/Dólar: +0,17%, cotado a R$ 4,06;
DI Jan/21: -1 pontos base, 4.53%;
S&P 500: +0,35% aos 3.246 pontos.

*Obs.: a taxa de câmbio utilizada é a referência da Bloomberg.


Jornais:

Folha de São Paulo
– Governo tira da Previdência e paga 13º do Bolsa Família
– Subsídio para energia solar opõe Guedes a Bolsonaro
– Após carta, EUA negam que irão sair do Iraque
– ‘Nova política’ faz barulho, mas não aprova quase nada

O Estado de São Paulo
– Estados querem vender de empresas a mirante e zoológicos
– Impasse trava compra de urna eletrônica para próxima eleição
– Governo só libera 35% da verba para fazer presídios
– Irã cobra diplomacia do Brasil por apoio aos EUA

Valor Econômico
– Envelhecimento do país vai custar R$ 9,5 bi até 2027
– Dívida nas 20 maiores ‘RJs’ soma R$ 242 bi
– Venezuelanos adotam o dólar em seu dia a dia
– Rússia e China assistem à crise de camarote

O Globo
– Governo avalia ‘colchão’ para compensar alta do petróleo
– STF tem maioria a favor da lei do juiz de garantias
– Manobra de Maduro é alvo de crítica de aliados
– Com multidões nas ruas, Irã promete vingança

Contatos

Renda Variável*


Luis Gustavo Pereira – CNPI
[email protected]

Equipe Econômica

Conrado Magalhães
[email protected]

Alejandro Ortiz Cruceno
[email protected]

Victor Beyruti Guglielmi
[email protected]

*A área de Renda Variável é a responsável  por todas as recomendações de valores mobiliários contidas neste relatório.
“Este relatório foi elaborado pela Guide Investimentos S.A. Corretora de Valores, para uso exclusivo e intransferível de seu destinatário. Este relatório não pode ser reproduzido ou distribuído a qualquer pessoa sem a expressa autorização da Guide Investimentos S.A. Corretora de Valores. Este relatório é baseado em informações disponíveis ao público. As informações aqui contidas não representam garantia de veracidade das informações prestadas ou julgamento sobre a qualidade das mesmas e não devem ser consideradas como tal. Este relatório não representa uma oferta de compra ou venda ou solicitação de compra ou venda de qualquer ativo. Investir em ações envolve riscos. Este relatório não contêm todas as informações relevantes sobre a Companhias citadas. Sendo assim, o relatório não consiste e não deve ser visto como, uma representação ou garantia quanto à integridade, precisão e credibilidade da informação nele contida. Os destinatários devem, portanto, desenvolver suas próprias análises e estratégias de investimentos. Os investimentos em ações ou em estratégias de derivativos de ações guardam volatilidade intrinsecamente alta, podendo acarretar fortes prejuízos e devem ser utilizados apenas por investidores experientes e cientes de seus riscos. Os ativos e instrumentos financeiros referidos neste relatório podem não ser adequados a todos os investidores. Este relatório não leva em consideração os objetivos de investimento, a situação financeira ou as necessidades específicas de cada investidor. Investimentos em ações representam riscos elevados e sua rentabilidade passada não assegura rentabilidade futura. Informações sobre quaisquer sociedades, valores mobiliários ou outros instrumentos financeiros objeto desta análise podem ser obtidas mediante solicitações. A informação contida neste documento está sujeita a alterações sem aviso prévio, não havendo nenhuma garantia quanto à exatidão de tal informação. A Guide Investimentos S.A. Corretora de Valores ou seus analistas não aceitam qualquer responsabilidade por qualquer perda decorrente do uso deste documento ou de seu conteúdo. Ao aceitar este documento, concorda-se com as presentes limitações.Os analistas responsáveis pela elaboração deste relatório declaram, nos termos do artigo 21 da Instrução CVM nº.598/2018, que: (I) Quaisquer recomendações contidas neste relatório refletem única e exclusivamente as suas opiniões pessoais e foram elaboradas de forma independente, inclusive em relação à Guide Investimentos S.A. Corretora de Valores.“
165 visualizações

relacionados

Utilizamos cookies para melhorar a sua navegação

Entendi
Bitnami