Segundo Tempo: Um olho na foto e outro no filme

tags Intermediário

Introdução: Dia segue positivo no cenário internacional: bolsas europeias e americanas operam com ganhos modesto, apesar da turbulência gerada pelo anúncio de mais tarifas contra a China por parte dos Estados Unidos. No Brasil, o destaque continua sendo a agenda de pesquisas eleitorais. A noite deve sair o Ibope: olho na dinâmica de Bolsonaro e Haddad, principalmente no tocante ao segundo turno. Amanhã tem Copom e o mercado precifica estabilidade na taxa básica em 6,5% a.a.


CENÁRIO EXTERNO: CALMARIA APÓS A TROVOADA TARIFÁRIA.

Mercados… As bolsas globais operam em moderada alta no início dessa tarde. O dólar, medido pelo DXY, perde sua força, recuando 0,02%. As commodities operam com viés misto e o milho recua -1,44%. Já o petróleo (brent), em especial, oscila ao redor de US$77,93/barril, um avanço de 1,24%. O índice VIX, que mede a volatilidade do mercado, registra leve alta (0,99% por volta das 13:15).

Tarifaço… O grande destaque na agenda internacional é a possível escalada da guerra comercial sino-americana. Ontem ao final do dia, o presidente Trump anunciou a cobrança de tarifas de 10% sobre US$ 200 bilhões de importações de produtos chineses pelos EUA. Essa tarifa começará a ser cobrada a partir de 24/09. No início de 2019, será elevada para 25%. Deste modo, neste ano o governo Trump terá taxado quase a metade das importações americanas da China, ou seja, US$ 250 bilhões. Trump deverá taxar a outra metade das importações americanas, tendo em vista que o governo chinês decidiu retaliar a decisão desta segunda-feira.

Emergentes na esteira de confusão… Destaque negativo para Turquia que tem a sua moeda desvalorizando 0,51% e o CDS avançando 6 pontos (+1,37%) aos 445 pontos. Argentina também sofre: o peso se desvaloriza 0,60% aos 39,78, se aproximado da marca de 40 pesos por dólar.

 


BRASIL: UM OLHO NA FOTO E OUTRO NO FILME: A DINÂMICA DAS PESQUISAS.

Ibope vem ai… Hoje à noite irá ser divulgada a nova pesquisa presidencial do Ibope. O levantamento foi feito entre os dias 12 e 18 de setembro e ouviu 2.506 eleitores.

Um olho na foto e outro no filme… Na última pesquisa Ibope, que foi divulgada no último dia 11, Bolsonaro (PSL) ganhou muito mais força no segundo turno, após o ataque sofrido, e ele empatava com todos os concorrentes na margem de erro. Além da foto do primeiro turno, a que mais vai interessar é a imagem de segundo turno que essa pesquisa irá trazer. A dinâmica de Bolsonaro no primeiro turno está dada. A gora é preciso observar de perto os seus números no segundo turno, principalmente se ele irá manter ou ampliar a vantagem sobre Fernando Haddad (PT). Olho também na rejeição do petista e do capitão.

A Rússia é aqui… Alckmin convocou para hoje, às 15h, uma reunião em São Paulo com os partidos aliados. O objetivo é tentar criar alguma reviravolta na estratégia da campanha. A realidade bateu e a campanha vai tentar um último suspiro. Por enquanto, a coisa continua russa para Alckmin.

Amanhã é dia de Copom… O grande destaque macro da semana será a decisão da taxa básica de juros que acontecerá amanhã à noite. O mercado não precifica mais a chance do BC subir a taxa básica, pelo menos na reunião de amanhã, a penúltima do ano. Em novembro haverá o último encontro do ano e o mercado já precifica quase 100% de chances de que exista uma subida de pelo menos 0,25p.p na taxa básica. Olhando os modelos do Banco Central divulgado nos últimos relatórios de inflação, é possível inferir que, mesmo com uma taxa de câmbio de R$4,15 por dólar e uma Selic de 6,5%a.a, a inflação medida pelo IPCA fecharia 2018 em 4,4% e em 4,2% em 2019, abaixo da meta de inflação para ambos os anos. Mais detalhes da nossa visão no Mercados Hoje de amanhã.

Sobre o fechamento do último pregão:

Ibovespa: 1,88%, aos 78.234 pontos;
Real/Dólar: -0,11%, cotado a R$ 4,16;
Dólar Index: -0,03%, 94,48;
DI Jan/21: -2 pontos base, 9,80%;
S&P 500: 0,72% aos 2,894 pontos.

*Por volta das 13h50, horário de Brasília. Obs.: a taxa de câmbio utilizada é a referência da Bloomberg.

Contatos

Renda Variável*


Luis Gustavo Pereira – CNPI
[email protected]

Equipe Econômica

Lucas Stefanini
[email protected]

Rafael Gad
[email protected]

Julia Carrera Bludeni
[email protected]

Victor Candido
[email protected]

 

*A área de Renda Variável é a responsável por todas as recomendações de valores mobiliários contidas neste relatório.
“Este relatório foi elaborado pela Guide Investimentos S.A. Corretora de Valores, para uso exclusivo e intransferível de seu destinatário. Este relatório não pode ser reproduzido ou distribuído a qualquer pessoa sem a expressa autorização da Guide Investimentos S.A. Corretora de Valores. Este relatório é baseado em informações disponíveis ao público. As informações aqui contidas não representam garantia de veracidade das informações prestadas ou julgamento sobre a qualidade das mesmas e não devem ser consideradas como tal. Este relatório não representa uma oferta de compra ou venda ou solicitação de compra ou venda de qualquer ativo. Investir em ações envolve riscos. Este relatório não contêm todas as informações relevantes sobre a Companhias citadas. Sendo assim, o relatório não consiste e não deve ser visto como, uma representação ou garantia quanto à integridade, precisão e credibilidade da informação nele contida. Os destinatários devem, portanto, desenvolver suas próprias análises e estratégias de investimentos. Os investimentos em ações ou em estratégias de derivativos de ações guardam volatilidade intrinsecamente alta, podendo acarretar fortes prejuízos e devem ser utilizados apenas por investidores experientes e cientes de seus riscos. Os ativos e instrumentos financeiros referidos neste relatório podem não ser adequados a todos os investidores. Este relatório não leva em consideração os objetivos de investimento, a situação financeira ou as necessidades específicas de cada investidor. Investimentos em ações representam riscos elevados e sua rentabilidade passada não assegura rentabilidade futura. Informações sobre quaisquer sociedades, valores mobiliários ou outros instrumentos financeiros objeto desta análise podem ser obtidas mediante solicitações. A informação contida neste documento está sujeita a alterações sem aviso prévio, não havendo nenhuma garantia quanto à exatidão de tal informação. A Guide Investimentos S.A. Corretora de Valores ou seus analistas não aceitam qualquer responsabilidade por qualquer perda decorrente do uso deste documento ou de seu conteúdo. Ao aceitar este documento, concorda-se com as presentes limitações.Os analistas responsáveis pela elaboração deste relatório declaram, nos termos do artigo 21 da Instrução CVM nº.598/2018, que: (I) Quaisquer recomendações contidas neste relatório refletem única e exclusivamente as suas opiniões pessoais e foram elaboradas de forma independente, inclusive em relação à Guide Investimentos S.A. Corretora de Valores.“
Victor Cândido Victor Cândido

Economista

Mestrando em economia pela Universidade de Brasília - UnB. Já trabalhou no mercado financeiro na área de pesquisa e operações. Foi pesquisador do CPDOC da Fundação Getúlio Vargas. É formado em economia pela Universidade Federal de Viçosa.

108 visualizações

relacionados

Bitnami